shadow

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro
cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 1

Jair Bolsonaro

Brasil, o gigante econômico da América do Sul e 8º maior do mundo, foi amaldiçoado com má governança por décadas. O eleitorado respondeu ao apelo irresponsável de generosidade do governo, durante a maior parte dos 21st século. O papel negativo e às vezes livre que os funcionários públicos desempenharam na economia reduziu o crescimento geral e tornou o país inteiro mais pobre.

O Partido Socialista dos Trabalhadores (PT) de esquerda, no poder de 2003 a 2016, forneceu recompensas de curto prazo às custas de investimentos e crescimento de longo prazo. Nos primeiros anos do governo do PT, a economia cresceu e a pobreza estava diminuindo, mas tudo se mostrou ilusório.

Os programas sociais promovidos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para manter sua popularidade de 2003 a 2011, permitiram que ele deixasse o cargo com 90% de aprovação.

Essas medidas anti-pobreza e direitos sociais provariam ser financeiramente insustentáveis, sob sua sucessora Dilma Rousseff.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 2

Milhares de manifestantes contra o governo da presidente Dilma Rousseff marcham a caminho do Congresso Nacional em Brasília, em março de 2016.

O mandato da presidente Dilma, a partir de 2011, provou ser um desastre. Não apenas para sua festa, mas o país em geral. Seu subsequente mau uso da economia ajudou a provocar a pior recessão da história do Brasil.

Politicamente, a nação do Brasil está novamente em uma encruzilhada, assim como quando a democracia foi restaurada em 1985. O país já era dirigido pelos militares desde 1964.

As questões econômicas e financeiras que o país enfrenta voltam a aumentar a urgência de mudanças.

Os eleitores decidirão se permitirão ao PT outra oportunidade no poder, apoiando Fernando Haddad ou, em vez disso, apoiando uma nova direção para o país, endossando o populista Jair Bolsonaro.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 3

Fernando Haddad

Haddad é um substituto do ex-presidente Lula da Silva, que foi impedido de buscar a reeleição por causa de uma condenação por corrupção. Ele continuou popular entre uma parcela considerável da população, apesar de concorrer à presidência desde abril.

Sua prisão decorre da ampla investigação de corrupção na Petrobas, a empresa estatal de petróleo. Todo o esquema de suborno imobiliário é conhecido localmente como Operação Car Wash. Ele foi considerado culpado em julho de 2017 e o tribunal de apelações confirmou por unanimidade a condenação, em janeiro deste ano.

O absurdo da situação foi finalmente interrompido, quando a corte eleitoral do país decidiu de forma esmagadora, no início de setembro, que Lula é inelegível para concorrer ao cargo.

Como prefeito anterior de São Paulo, de 2013 a 2016, Haddad conseguiu reduzir o déficit orçamentário da cidade e recuperar uma classificação de crédito de grau de investimento para o município. Apesar dessa conquista, ele ainda falhou em sua tentativa de reeleição. Ele acabou por ser um candidato pobre.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 4

Lula é empossado como Chefe de Gabinete pela Presidente Dilma Rousseff, em março de 2016.

Haddad é um ex-professor, formado em economia, direito e filosofia. Ele era o ministro da Educação, durante o mandato do ex-presidente Lula. Sua campanha é cintilante, parcialmente atribuível ao fim desastroso da Presidência de Dilma e do PT no poder.

Apesar da estreita vitória eleitoral de Dilma em 2014, ela seria impeachment apenas dois anos depois. Ela passou de uma aprovação popular de 58% na véspera de sua reeleição para 23% em fevereiro de 2015.

Após os protestos de março do mesmo ano, a aprovação pública caiu para 13%, com um nível de reprovação de 62%. Em julho de 2015, a popularidade de Dilma caiu para apenas 9%, com demonstrações cada vez maiores, exigindo seu impeachment durante o resto do ano.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 5

Dilma entregou seu discurso de despedida após ser destituída do Senado, em 31 de agosto de 2016.

Dilma não era considerada corrupta. Sua derrota final foi em sua tentativa fracassada de esconder o tamanho real do déficit orçamentário federal. Os gastos e direitos sociais estavam inundando as finanças do governo.

A corrupção foi galopante durante esses anos. A PT incentivou o suborno em uma escala sem precedentes, para manter seu controle sobre o poder. Isso aumentou muito a raiva do eleitorado.

O crime também estava aumentando para proporções enormes, o que estava desgastando as normas da sociedade. Também estava minando a fé que as pessoas tinham, no governo em geral.

A insegurança e a economia em ruínas, iniciada em 2012, finalmente encerraram as fortunas políticas do PT.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 6

Presidente Michel Temer

Dilma foi sucedido pelo vice-presidente Michel Temer. Ele preencherá o restante de seu mandato, que termina em 1º de janeiro de 2019. Para seu crédito, ele imediatamente pediu um governo de salvação nacional.

O Presidente Temer pretendia rever as leis trabalhistas e o sistema de pensões inacessível. Ele também prometeu coibir gastos públicos excessivos. Muitas de suas reformas planejadas falharam em se materializar.

Sua passagem pela presidência, até agora, permaneceu normal. Seu envolvimento no impeachment de Dilma e seu próprio envolvimento com suborno e corrupção o tornaram extremamente impopular. Apesar de protestos generalizados e duas tentativas de impeachment, ele se recusou a renunciar.

Temer, juntamente com seu Partido do Movimento Democrata Brasileiro (PMDB), são vistos por muitos eleitores como parte da desonestidade generalizada, entre as elites políticas atualmente no poder.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 7

No momento em que Bolsonaro foi atacado no comício de Juiz de Fora, em setembro de 2018.

Por sua vez, Jair Bolsonaro insiste que o PT não apenas governou de forma corrupta e ineficiente, mas estava movendo o Brasil na mesma direção que a Venezuela.

Preciso ou não, está tocando um acorde com um grande segmento da população. O que está acontecendo na Venezuela está impactando a política na América do Sul e na América Latina. Isso ajudou a desacreditar ainda mais o movimento esquerdista em vários outros países.

Há especialistas políticos que temem que Bolsonaro, que apóie um retorno completo à economia de mercado, também se torne autoritário, quando ele ganhar poder.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 8

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Bolsonaro em 1986.

Como ex-capitão do exército, Bolsonaro instila confiança de que ele está muito melhor equipado que seu oponente para lidar com a onda de corrupção e crime que varreu o país.

Bolsonaro pediu a ajuda de Paulo Guedes, economista dos Estados Unidos, para convencer a comunidade empresarial no Brasil de que haverá um retorno à ordem legal e à estabilidade financeira.

Guedes reforçou a ideia de que há necessidade de cortes nos gastos do governo. Reformas de pensão serão necessárias, se o país quiser evitar a falência. As privatizações e a redução das regulamentações de negócios são elementos essenciais na recuperação de investidores estrangeiros nervosos.

Surpreende-se que Bolsonaro tenha pouca paciência quanto aos freios e contrapesos de um sistema democrático. Os críticos estão despertando alarmes sobre suas supostas aflições a mulheres e grupos minoritários. Sua retórica populista diz respeito a libertários e defensores dos direitos civis.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 9

Augusto Pinochet
Ex-Presidente do Chile

Ele também está sendo acusado de possuir tendências ditatoriais, que inexoravelmente minarão a democracia brasileira.

Bolsonaro é admirador de Pinochet, ex-presidente do Chile. Na sua opinião, o general trouxe ordem e prosperidade ao Chile, após a derrubada de Allende, que havia destruído a economia. Ele é citado dizendo que Pinochet fez o que tinha que ser feito.

Já estão sendo feitas comparações entre ele e o controverso estilo de liderança, exibido pelo presidente americano Donald Trump.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 10

Mapa mundial dos signatários originais do Acordo Climático de Paris

Os planos de Bolsonaro de favorecer os agricultores em detrimento dos ambientalistas e sua intenção de retirar o Brasil do acordo de mudança climática de Paris são semelhanças óbvias com o presidente Trump. Como é a alegação de notícias falsas, que se tornou um slogan popular entre os dois homens.

Ativistas liberais e seus aliados à esquerda apontam para os comentários de Bolsonaro a respeito de uma mudança em dar prioridade e proteção ao governo às vítimas de crimes, em vez de aos autores. Embora isso possa parecer alarmante para alguns reformadores sociais, a idéia é bastante popular entre os atuais eleitores.

Seu forte apoio à aplicação da lei, onde ele insta a polícia a matar criminosos, apazigua a raiva sentida por uma população. Eles ficaram furiosos com a incapacidade do governo de conter o crescente nível de crimes violentos.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 11

Bolsonaro discutindo com a deputada federal Maria do Rosário na Câmara dos Deputados, setembro de 2016

Como conservador social, ele se opõe ao aborto e a uma maior legalização das drogas. Isso pode ser um anátema para os da esquerda, mas não está muito longe do pensamento político convencional, como inelegível.

Bolsonaro é mais centrista do que se poderia esperar. Como congressista há 27 anos, ele está registrado por votar contra a reforma previdenciária e vários esforços de privatização, várias vezes.

A economia lenta e em andamento, após uma recessão brutal, continua sendo uma grande preocupação para muitos eleitores. O eleitorado é muito mais tolerante com indiscrições pessoais e desonestidade, quando há um rápido crescimento econômico.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 12

A floresta amazônica, a floresta mais biodiversa do mundo.

Como um mercado emergente, rico em recursos naturais, o crescimento em

O Brasil tem sido sombrio.

O Produto Interno Bruto (PIB) está expandindo apenas 1% ano a ano. Esse baixo nível de crescimento não fornecerá empregos suficientes para os grandes números que entram na força de trabalho. O desemprego permanece em uma taxa teimosa de 12,3%. A criação formal de emprego permanece nula.

Nem permitirá gastos extras, envolvendo programas populares do governo.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 13

Brasil em um mapa global.

A economia está sendo prejudicada por constantes interrupções e protestos no trabalho. No segundo trimestre deste ano, foi a greve perturbadora do sindicato dos caminhoneiros e de motoristas individuais, devido à alta nos custos de combustível.

O investimento continua caindo, diminuindo recentemente outros 1,8%. Isso é resultado do declínio na confiança geral dos negócios.

O déficit orçamentário federal em curso, embora um pouco em declínio, impede o investimento público adicional, uma vez que o PIB em dívida atingiu uma alta de 77%.

A provável eleição do congressista de sete mandatos Jair Bolsonaro é resultado de uma classe política que fracassou totalmente o país. Aparentemente mais interessado em enriquecimento próprio, esse grupo como um todo irritou o eleitorado. Sua corrupção descarada, finalmente se tornou intolerável em toda a sociedade.

Brasil move-se para a direita política com forte apoio a Jair Bolsonaro 14

Vista aérea do Porto de Santos, São Paulo, o porto mais movimentado da América Latina.[[

Os brasileiros estão cansados ​​de estagnação econômica, poucas oportunidades de emprego e crimes desenfreados. Por mais agourentos que alguns analistas possam querer afirmar que a eleição de Bolsonaro será, é a democracia em ação. O povo do Brasil está votando pela mudança. Isso sempre corre algum risco.

Esperamos que existam salvaguardas democráticas suficientes para impedir que uma nova administração exceda seu mandato. A legislatura e o judiciário, juntamente com a mídia, parecem adequados o suficiente para moderar qualquer desvio maior dos princípios democráticos brasileiros.



cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br
Leia Também  Como depositar dinheiro online na conta PPF da agência postal através do IPPB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *